segunda-feira, 19 de julho de 2010

Treinamento Intervalado II

Olá pessoal, devido a algumas mudanças na minha vida profissional, fiquei um bom tempo ausente com o blog, mas agora pretendo retomar os posts.

O último post referiu-se ao treinamento intervalado e retomarei o assunto novamente.

O treino intervalado é caracterizado por dois tipos de intervalos: os intervalos de trabalho (tiros) que são intercalados pelos intervalos de recuperação (pausas).

Há algumas maneiras de se controlar a intensidade dos intervalos de trabalho:

-Utilizando uma distância que deve ser percorrida em um determinado tempo ou faixa de tempo, freqüência cardíaca ou percepção de esforço.
Ex: 1km em 4’00 a 4’10, 1km a 180bpm ou 1km forte.

-Utilizando-se um tempo, onde se deve manter uma intensidade controlada pela freqüência cardíaca ou percepção de esforço.
Ex: 3’00 a 175bpm ou 2’00 fortes.

Vale dizer que a freqüência cardíaca não é uma boa opção para se controlar treinos intervalados com tiros curtos.

Quanto aos intervalos de recuperação, eles podem ser ativos ou passivos: no intervalo ativo, realiza-se uma corrida leve, já no intervalo passivo uma caminhada ou mesmo paras-se.

Pode-se aplicar os intervalos de recuperação das seguintes formas:
por um determinado tempo, percorrendo uma distância ou até a freqüência cardíaca baixar a um determinado valor.
Ex: 5 x 400m intercalados c/ 1’00 de pausa em corrida leve, 5 x 400m intercalados c/ 200m de corrida leve ou 5 x 400m com pausas até a Fc baixar a 130bpm.

De uma forma simples, a pausa ativa é recomendada quando o objetivo do treino é desenvolver a capacidade aeróbica e diminuir a acidez muscular atrasando a fadiga e a pausa passiva quando o objetivo do treino é desenvolver a velocidade máxima com tiros curtos e aumentar a tolerância à acidez.

Vejo como maior virtude do treino intervalado, a possibilidade de poder realizar consideráveis volumes de treino em alta intensidade, levando o organismo do corredor a grandes adaptações. Acho desnecessário utilizar o treino intervalado em intensidades moderadas, onde a velocidade utilizada nos tiros seria possível manter de forma continua.

No próximo post falarei de alguns estudos bem interessantes envolvendo o treino intervalado.

Segue vídeo de um treino intervalado sem controle das variáveis e misturado com le parkour e corrida com obstáculos..... (rsrsrs)tenho certeza que todos os corredores já se imaginaram como protagonista desta cena.

Boas corridas!


video

Um comentário:

  1. parabéns augusto,

    boas informações, mesmo.

    ficarei de olho.

    valeu!

    nadais

    ResponderExcluir